terça-feira, 27 de setembro de 2016

PCdoB suspende publicação de pesquisa da Record


A divulgação de pesquisa de intenção de votos para a Prefeitura de Contagem, feita pelo Instituto Paraná, que seria apresentada nessa terça-feira (27) na Rede Record de Televisão, foi barrada pela campanha à reeleição do atual prefeito Carlin Moura (PCdoB).

Tão logo foi publicada a suspensão da divulgação da pesquisa, todo tipo de especulação ganhou o meio político de Contagem. A “tese” mais forte é que o PCdoB detectou que Carlin está muito mal de intenção de votos para o primeiro turno, e, antevendo o estrago que a pesquisa poderia fazer na reta final da campanha, resolveram não pagar para ver.  

A Coligação apontou que nas simulações para o segundo turno, o instituto não simulou a intenção de votos entre Carlin e Alex, deixando de formular todas as hipóteses possíveis entre os três candidatos mais bem colocados.

A apuração das intenções de votos para o primeiro turno, entretanto, estavam corretas.  


A decisão foi do juiz Haroldo Dutra Dias, da justiça eleitoral. A pesquisa foi registrada no TRE-MG com o protocolo MG 04517/2016. 






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com o caixa da prefeitura no vermelho, Alex de Freitas faz mais uma das suas viagens internacionais

Contraditoriamente ao anúncio de que a Prefeitura de Contagem reduzirá cerca de 300 cargos, entre outras ações que visam redução de ga...